UBES

SC: ESTUDANTES PROTESTAM CONTRA CORTE DE VERBAS DO CURSO PRÉ-VESTIBULAR DA UFSC

Nesta quinta-feira (24), a juventude de Florianópolis realizou o segundo ato em protesto ao corte orçamentário feito pelo governo do estado que ameaça acabar com o convênio do curso pré-vestibular gratuito da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Com cartazes, faixas, rostos pintados e palavras de ordem, cerca de mil estudantes secundaristas do Instituto foram à Assembleia Legislativa cobrar o posicionamento dos parlamentares sobre a situação. Novas mobilizações estão marcadas para próxima terça-feira (29).

Durante a plenária, as estudantes Laura Bassedone e Vitória Voltolini fizeram uso da tribuna para solicitar o apoio da Assembleia em prol da manutenção do curso, completando o ato simbólico com todos os estudantes nas galerias empunhando seus título de eleitor em sinal da participação política da juventude. Os deputados pediram prazo de 15 dias para dar um posicionamento sobre a possível renovação do convênio. O presidente da União Catarinense de Estudantes (UCE), Dérick Höhn, afirma que o curso pré-vestibular é um projeto tradicional no estado que tem preparado milhares de estudantes, que sem condições financeiras de pagar cursos particulares, disputam com o curso gratuitamente vagas nas universidades.

“Todos os estudantes se uniram para o ato, mobilizando as turmas Instituto Estadual de Educação, do Colégio de Aplicação da UFSC, do Instituto Federal de Santa Catarina e da Escola Professor Henrique Stodieck, todos da capital, que lotaram as galerias do Plenário Osni Régis. Deixamos claro que vamos continuar fazendo pressão para que eles se comprometam e se posicionem”, afirma.

Atrasadas, as aulas ainda não tiveram início neste semestre, colocando em risco o projeto responsável por garantir, desde 2003, a preparação de mais de 21,6 mil jovens para o vestibular. O retorno do curso é uma grande expectativa para os estudantes das escolas públicas, como diz a secundarista do 3° ano do IEE que discursou durante a sessão, Laura Bassedone. “Eu sou uma entre vários estudantes que estão esperando vagas desde o 1° ano, até que ontem pela manhã os professores fixaram no mural a divulgação do cancelamento por corte de verba. Começamos passar de sala em sala para mobilizar os estudantes e depois fomos às redes sociais para levar o assunto aos deputados”, conta a jovem que afirma enxergar boas perspectivas.

UBES APÓIA MOBILIZAÇÕES

Com a hashtag #AprovaColombo e articulação nas escolas, a juventude de Florianópolis continuará organizando novas mobilizações. Na próxima terça-feira (29), os estudantes realizarão novamente na Assembleia, manifestação em afirmativa para garantir a permanência do curso. “Nessa luta legítima dos secundaristas, que carrega a bandeira histórica da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) pela igualdade e o acesso à educação, o movimento secundarista está ao lado da juventude combativa, que permanecerá firme nessa pauta até que as aulas retornem”, afirma o tesoureiro da entidade, Pedro Henrique.

Entre os parlamentares que já declararam apoio, está a deputada Angela Albino, que protocolou, na tarde da última terça-feira (22), um pedido de informação ao governador do Estado de Santa Catarina e ao secretário da Educação sobre os motivos que levaram à suspensa da verba do convênio, e se a medida é definitiva.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Standard

Dê a sua opinião e ajude a construir uma UBES cada vez mais forte!!!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s